Dicas para o bom uso da calculadora:

  1. Não escreva resultados intermediários em folhas de papel ou na memória da calculadora;

  2. A memória da calculadora deve ser usada apenas para armazenar valores de constantes que serão usadas no cálculo. Isso evita que números com muitos algarismos sejam digitados durante uma operação. Por exemplo, memorizando o valor do raio da esfera (123,542 m) na memória A da calculadora (supondo que sua calculadora tenha memórias A, B, C, etc.), o cálculo do volume poderia ser feito digitando 4 / 3 x Pi x A ^ 3, ao invés de 4 / 3 x Pi x 123,542 ^ 3;

  3. É importante tentar efetuar os cálculos num único bloco. Isto significa fazer toda a operação de uma só vez, utilizando a tecla [=] apenas ao final para obter o resultado;

  4. Use parênteses aninhados (um dentro do outro) para definir as prioridades das operações. Mas não seja muito óbvio. Utilize 2 + 3 x 4 ao invés de 2 + (3 x 4);

  5. Sua calculadora utiliza uma ordem de prioridade pré-determinada para efetuar as diversas operações. A ordem é: Operações entre parênteses > Funções (sen, cos, log, etc.) > Multiplicar e dividir > Somar e Subtrair. Por exemplo, o cálculo 1 + 2 x 4 x cos Pi é feito na seguinte ordem. (a) cos Pi = -1; (b) 2 x 4 x (-1) = -8; (c) 1 + (-8) = -7. Caso a operação fosse definida como (1 + 2) x 4 x cos Pi , a execução obedeceria à seguinte ordem: (a) (1 + 2) = 3; (b) cos Pi = -1; (c) 3 x 4 x (-1) = -12. Você deve exercitar o uso das prioridades predefinidas das operações ao invés de parêntese sempre que possível. O uso excessivo de parênteses aninhados pode confundir o operador e induzir a ocorrência de erros;

  6. Atenção para o modo de operação Grau (Degree ou DEG) e Radiano (RAD). No modo DEG, sen Pi = 0,054803. Isto equivale a fazer sen (3,1415...). Para obter o valor desejado, que é sen Pi = 0, a calculadora deve estar no modo RAD.

Teste sua habilidade de calcular:

Pegue sua calculadora e tente reproduzir as operações contidas no documento testesuacalculadora.pdf

Início